Wow!

Três shows lotados e Laura Pausini mostra porque é a artista internacional mais amada no Brasil

Três shows lotados e Laura Pausini mostra porque é a artista internacional mais amada no Brasil

Se eu tivesse que escolher o título de uma música famosa para definir os três dias de shows de Laura Pausini no Brasil selecionaria: “You shook me all night long” (na minha consciência eu já escuto ela dizer: ADOROOOOOO). A canção eternizada pela banda de rock AC/DC, mas que também teve uma versão no “Divas Las Vegas” com o dueto de Celine Dion e Anastacia.

Sim, a italiana me sacudiu a noite toda nos dois shows que acompanhei em São Paulo. Ela balançou com os corações dos paulistas, cariocas e de pessoas de todos os cantos do Brasil que estiveram nas duas cidades para vê-la de pertinho. Quem me conhece sabe que sou fã da rainha italiana e fico muito feliz em escrever para o MDPOP divulgando o trabalho de Laura no Brasil, por isso redijo este texto em primeira pessoa. Peço desculpas se deixar o meu lado fã falar mais alto do que o profissional, mas quando se trata de Laura Pausini não consigo controlar minhas emoções. <3

No domingo (11), primeiro show em São Paulo, foi uma noite atípica tanto para a italiana quanto para o público. Com o show atrasado em meia hora devido a problemas técnicos, Laura vai ao palco para explicar o ocorrido. Depois começa a brincar, interagir e faz o público rir. Ela também cantou à capela e com o acompanhamento da fã Lylla Pausini ao piano (Amori Infiniti, Anna Dimi Si e Dove Sei). Eu redigi uma matéria sobre o primeiro show e você pode saber mais detalhes aqui.

Nunca um problema nos telões de LED foi tão comemorado entre os fãs da Pausini. Vejam abaixo os comentários que encontrei no Instagram da própria cantora.

img_2502

Reprodução do Instagram Oficial da cantora

Reprodução do Instagram Oficial da cantora

Mesmo sem querer Laura acabou presenteando o público com toda essa consideração e foi além, agradeceu a fã Lilla Pausini por entreter o público junto com ela enquanto o problema era resolvido. Laura disse: “Você é talentosa e me salvou no dia de hoje! Obrigada”.

laura_especial_1

Reconhecimento ao trabalho do MDPOP

Agora vou abrir um parágrafo para contar sobre o sound check do segundo show na segunda-feira. Estava ali como fã aguardando mais uma passagem de som como tantas outras que já acompanhei nas turnês de Laura, quando ela aparece e disse que não iria cantar para poupar a voz, mas conversaria com os fãs que ali estavam. Muito carinhosa, Laura foi ouvindo cada um que se manifestava. Ao responder uma pergunta, um amigo meu brincou comigo: “Viu jornalista?”. Como ele estava na segunda fileira e eu atrás, na terceira, Laura ouviu, mas continuou dando atenção aos outros fãs. Quando ela voltou perguntou: “Quem é a jornalista aqui?”. Eu respondi: “Eu, do Momento Diva Pop“. Ela: “Ahhh! Momento Diva Pop, eu adoro vocês! Eu curto e compartilho o trabalho de vocês. Hoje eu li várias reportagens sobre o show de ontem na mídia brasileira. Inclusive a matéria de vocês. Obrigada pelo que você ‘escrever’ (sic) de mim”. Eu respondi: “É porque você merece!”. Laura: “Muito obrigada pelo seu carinho”.

Vale ressaltar que é a segunda vez que Laura comenta que adora o nosso trabalho. A primeira foi na ocasião da promotour do CD Simili em novembro do ano passado, onde ela recebeu o certificado de madrinha do site. Veja a notícia aqui. Quando estive na Itália em junho visitei a sede do fã-clube em Solarolo e vi que os certificados estão expostos junto a tantos outros certificados. Não acreditei no que estava vendo!

Laura é isso. Muito simples e humana. Reconhece o trabalho de uma profissional, mas acima de tudo o carinho de todos os fãs que estavam lá. Abrindo até mesmo detalhes de sua vida pessoal como na época que engravidou da sua filha Paola, 3 anos, e ainda não podia comentar com ninguém. “Meu médico queria que eu apenas repousasse, mas eu não podia. Estava em turnê com Inédito e além disso, muitas pessoas da minha equipe e suas famílias dependem de mim. Se eu parasse, eles não teriam mais trabalho. O médico disse que eu poderia cantar, mas estava proibida de dançar. Então, tive que dar uma desculpa – para os meus músicos, bailarinos e equipe – que havia me machucado. E eles não desconfiaram de nada”, confessou.

A artista tem um respeito tão grande pelos seus fãs que depois da sua família, as primeiras pessoas que souberam que ela estava grávida foram os próprios fãs antes da imprensa italiana. Ela organizou um encontro com eles na Itália e durante o evento anunciou que esperava a primeira filha. Quanta consideração!

Sobre o segundo e terceiro show no Brasil

Na segunda noite de show, Laura continuou mostrando porque ama o público brasileiro que canta em uníssono suas canções. Durante todo o show se esforça para conversar em português com aquele sotaque ítalo-carioca que é uma gracinha, conta detalhes de sua vida, fala do seu amor e dedica o show à Hebe Camargo, informa que suas canções autobiográficas são alegres, românticas, mas que também falam da dor. Faz a alegria dos fãs escolhendo um deles para cantar o seu grande clássico “La Solitudine”. A sortuda do show de segunda-feira foi Camila Brasiliano. Após terem cantado juntas, a italiana disse que se fosse técnica do The Voice Brasil viraria a cadeira pra ela e como se não bastasse falar, Laura simulou esse momento:

Como vocês podem ver todos se divertem com o carisma de Laura que rende risos até dos músicos da sua banda. Aqui destaco o trabalho deles também. Dedicados e excelentes profissionais italianos que se unem à Laura para a magia acontecer.

No show de quarta-feira, 14 no Metropolitan no Rio de Janeiro não foi diferente. Laura não se apresentava na cidade maravilhosa desde 2009. Após sete anos, a cantora se despediu do Brasil encantando os cariocas. Alguns tentavam se aproximar de Laura o tempo todo, conversar entre uma música e outra. Laura chegou a falar com alguns sortudos, mas também pedia calma para dar continuidade no andamento do show. A emoção dos cariocas estava à flor da pele. Cantou um trecho da canção do filme “O Guarda Costas” para chamar a atenção do segurança e disse para uma fã “miga, sua louca!”

Para Laura não existe nenhuma diferença entre ela que é uma artista reconhecida mundialmente, ganhadora de três Grammys Latinos e uma pessoa que possui um “trabalho comum”. O atual disco e a turnê chama-se “Simili” que significa “Semelhantes”. E ela leva isso ao pé da letra, pois nunca quis ser uma cantora famosa. Seu sonho era ser uma cantora de piano-bar. Todavia, Dio é tão bom com quem tem um coração lindo e puro como o dela que, talvez, deve ter pensado: “Fófinha, você tem um dom, encantará o mundo e as pessoas, mas sua principal missão é mostrar que você é simples, é do povo, é humana e que não existe (e não faz) nenhuma distinção entre as pessoas. Somos todos semelhantes. Desce e arrasa bambina!”

laura_especial2

E assim, o Brasil se despede apaixonado (<3) de Laura Pausini já contando as horas pra vê-la de novo e nos presentear com a sua voz, alegria, doçura, carisma, belas músicas, consideração e respeito com o público. Grazie mille davvero para a italiana show-woman com alma mais brasileira.

** Nós do Momento Diva Pop agradecemos mais uma vez o fotógrafo e fã da Laura, Lincoln Lujan por ter colaborado com o site e cedido gentilmente as fotos dos shows de São Paulo. Também agradecemos ao fotógrafo Diogo Vasconcelos pela cobertura fotográfica do show do Rio de Janeiro e que em breve, as fotos, estarão num álbum para vocês curtirem na nossa página no Facebook.