Celebridades

Respeitem Lady Gaga!

Respeitem Lady Gaga!

Na véspera do seu show, Lady Gaga e a organização Rock in Rio anunciaram por meio das suas mídias sociais, o cancelamento da apresentação no evento.

Lady Gaga está no hospital com fortes dores devido à fibromialgia: síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura. Essa doença atinge cerca de 5% da população mundial sendo 3% dos brasileiros.

Quando soube do cancelamento fiquei indignada com a forma que os fãs da “Mother Monster” reagiram à notícia. Eu entendo completamente a frustração deles, pois muitos saíram de seus Estados, gastaram mais que o dobro do valor do ingresso com passagens de avião, hospedagem, alimentação, etc. Porém, torna-se incompreensível o fato de xingarem a artista nas mídias sociais ou até mesmo em reportagens jornalísticas. Apenas, parem! Lady Gaga está hospitalizada e com dores. Ela simplesmente está impossibilitada de fazer o show. Mais respeito com o ser humano.

Não vamos generalizar, mas muitos fãs conseguiram compreender a fase delicada que a artista está passando em sua vida pessoal. Esses sim, entendem o coração de Gaga e são pessoas sensíveis.

Acredito que para um artista, o momento da apresentação para milhares de fãs, principalmente num evento como o Rock in Rio é uma emoção inesquecível. Muitos cantores são perfeccionistas e Lady Gaga é uma performance woman. Vamos supor: mesmo que já estivesse no Brasil e sentisse fortes dores poucas horas antes do show, ela não se apresentaria sem estar 100%. Creio que todo artista vê isso como desrespeito aos fãs, porque artistas como a cantora se doam ao máximo em suas performances.

Agora, vamos entender os fatos. Muitos fãs se perguntam: porque os organizadores do Rock in Rio só anunciaram o cancelamento do show da Gaga um dia antes? A cantora já havia feito um pronunciamento no fim de semana que cancelaria seus shows por tempo indeterminado por motivos de saúde. Por que somente hoje a produção veio a público informar o ocorrido? Simplesmente porque os organizadores do evento sabem que quem está na cidade maravilhosa, dificilmente irá desistir de ir ao Rock in Rio, por conta dos custos que já teve de arcar. Se a produção anuncia o cancelamento dias antes, muitos fãs da Lady Gaga desistiriam da sua viagem e dos ingre$$o$. Maldito capitali$mo! Não é mesmo?

Junto com o anúncio veio a notícia da substituição do show da Gaga por Maroon 5. Entendo a intenção dos organizadores em cobrir o buraco. Porém, não é a mesma coisa. Mesmo que fosse a Beyoncè ou a Madonna pra quem é fã não significa N-A-D-A. Mas voltando a substituição super rápida para esse tipo de problema. Bastou mandar um whatsapp para o Adam Levine? Claro que não! Solicitar uma data extra a uma banda internacional demanda tempo, novo contrato e renegociação. Está na cara que a produção do RiR já sabia do cancelamento há pelo menos alguns dias.

Quando li a nota oficial do Rock in Rio fiquei CHOCADANEY com o trecho que diz “não somos obrigados a estornar o valor dos ingressos, mas o faremos em respeito aos fãs”. Infelizmente, isso não é respeito. E sim, descaso com o consumidor.

Imprevistos acontecem. Os artistas também são seres normais como qualquer um de nós. Vou citar exemplos de duas artistas que sou fã e acompanho suas carreiras há muito tempo. Celine Dion cancelou um final de semana de apresentações em Las Vegas por não estar bem de saúde. Laura Pausini no ano passado cancelou quatro shows (Barcelona, Marselha, Paris e Luxemburgo) da sua turnê “Simili” devido a uma laringotraqueite aguda, precisando ficar oito dias em repouso. A diferença é que, por exemplo, Laura e os organizadores anunciaram dias antes, então, além dos ingressos serem reembolsados, muitos fãs não se deslocaram para esses locais e conseguiram recuperar 100% ou pelo menos boa parte do investimento. Nada como morar na Europa, onde as coisas funcionam e o consumidor não é feito de otário como aqui no Brasil que o capitalismo fala mais alto.

Vejamos bem, na atual situação até a produtora que seria responsável pela turnê da Mariah Carey no Brasil no ano passado foi mais honesta que os organizadores do RiR.

Enquanto os fãs de Gaga continuam revoltados com o RiR e alguns com a própria artista, Lady Gaga vem postando no Instagram o quanto está devastada em não estar no Brasil, país que ela tanto ama.