Música

Nos 25 anos de carreira de Laura Pausini conheça os 25 momentos mais importantes da trajetória da italiana

Nos 25 anos de carreira de Laura Pausini conheça os 25 momentos mais importantes da trajetória da italiana

Laura Pausini comemora 25 anos de carreira no Festival que a revelou para a Itália e para o mundo em 1993. A cantora italiana é a principal convidada na noite de sábado do Festival de San Remo.

E para comemorar esta data tão importante na vida da madrinha do MDPOP, nós reunimos com a ajuda dos pausinianos (fãs da cantora), os 25 principais momentos da sua trajetória.

Serão 25 tópicos que não refletem a opinião da cantora e sim, dos fãs pausinianos e desta jornalista que redige esta reportagem, afinal de contas, o intuito é prestar uma homenagem à Laura.

1 – Aos 8 anos Laura Pausini já acompanhava seu pai Fabrizio Pausini, que tocava contrabaixo e teclado em pianos-bares.

2 –  Em 1993 venceu o Festival de San Remo na categoria “Novos Talentos” com a música La Solitudine. Vencendo o famoso festival, Laura Pausini assinou um contrato com a Warner Music Group para lançar seu primeiro álbum profissional, intitulado Laura Pausini (1993), que teve enorme sucesso na Itália, bem como na França, vendendo em seu primeiro ano de lançamento 3 milhões de cópias.

3 – No dia 10 de setembro de 1995, Laura fundou o seu Fã Clube Oficial. A sede é a casa onde morou até os seus 18 anos e fica em Solarolo. O fã-clube é aberto para visitação dos membros oficiais de qualquer parte do mundo. Um local que os pausinianos podem ver de perto os prêmios, os figurinos, objetos pessoais da carreira da artista.

O famoso azulejo pintado por Laura com o número da casa, onde hoje é a sede do fã-clube oficial.

4 – Se você acha que pegadinhas só existe no programa do Silvio Santos aqui no Brasil, você está muito enganado. Laura caiu numa pegadinha em 1998 quando lançava o álbum La Mia Risposta. Ela foi acusada de furtar calcinhas de uma loja.  Assista a pegadinha completa aqui:

5 –  Luciano Pavarotti foi um grande tenor italiano e reconhecido por popularizar mundialmente a ópera. Na década de 90 ele realizava o concerto Pavarotti & Friends ao redor do mundo. Em 1999, o tenor convidou Laura para cantar The Land of Smiles.

6 – Em 2003 com o hit em inglês Surrender, a italiana ficou em primeiro lugar no levantamento feito pela principal revista do mundo da música Billboard. Além disso, o álbum From the Inside durante semanas ficou entre o mais vendido e mais escutado, passando cantores famosos como Madonna, Mariah Carey e Michael Jackson.

7 – Laura Pausini já duetou com vários cantores italianos e internacionais. Porém, o dueto da italiana mais assistido no Youtube até hoje é com Lara Fabian somando mais de 19 MILHÕES de visualizações. Elas cantaram o clássico La Solitudine em 28 de agosto de 2002 na Piazza di Spagna em Roma. Até hoje existem comentários falando que quando dois anjos se encontram para cantar, o que acontece é divino. O dueto ficou maravilhoso e é nítido o quanto uma admira a outra.

Um outro dueto que Laura gosta muito é com Phil Collins na canção Separates Lives. Deve ter sido emocionante cantar com um de seus ídolos:

8 –  A pedido de Madonna, Laura regravou a canção Like a flower, originalmente um extra do premiado álbum Ray of light da rainha do pop. A versão modificada da música chama-se Mi abbandono a te, e é a faixa que encerra o álbum Resta in Ascolto. Na época, Laura relatou como isso aconteceu:

“Em 2002, quando estava em Los Angeles, recebi essa canção Like a Flower, pois Madonna estava a procura de uma intérprete que não cantasse em inglês. Mas eu não queria usá-la no meu disco feito em inglês From the Inside. Depois de gravá-la, o produtor Rick Nowels reconsiderou a ideia de utilizarmos no novo álbum, em espanhol e italiano. É interessante saber que inicialmente eu disse “não” a Madonna. Ela acompanhou todos os detalhes dessa nossa colaboração e me deu toda a liberdade para reescrever a letra. Até hoje, Madonna escreveu apenas cinco canções para outros artistas cantarem e uma delas é a minha.”

9 – Se Laura Pausini sonhava apenas em ser uma cantora de piano-bar quando era criança, imagina quando ela ganhou UM Grammy Awards (2006) e TRÊS Grammy Latino (2005, 2007 e 2009). O Grammy é o maior reconhecimento no mundo da música. Confira os anúncios e os agradecimentos da artista:

10 – Em 2 de junho de 2007, Laura tornou-se a primeira mulher a fazer um concerto no estádio San Siro, em Milão, para um público de 75 mil pessoas. O concerto foi gravado e lançado em DVD/CD em 60 países e as canções Destinazione paradiso e Y mi banda toca el rock gravadas no show tornaram-se por várias semanas como as mais tocadas na América Latina e Europa. Confira o momento que ela afirma que irá se recordar deste concerto para o resto da sua vida embaixo de uma chuva torrencial e canta Prendo Te/Uguale a Lei.

11 – Existe um provérbio que diz que todo ser humano, antes de morrer deve “plantar uma árvore, ter um filho e escrever um livro”. Em  2007, a cantora também lançou seu primeiro livro oficial intitulado “Laura Pausini – Fai quello che sei” que conta toda a apresentação espetacular e inesquecível do concerto do estádio de San Siro. Graças aos fãs Ezequiel Teixeira e Viviane Lourenço, descobrimos também que Laura já plantou uma árvore e foi em homenagem a um de seus melhores amigos, Giuseppe, que faleceu em 2010. A canção Ti Dico Ciao é dedicada a ele.

12 -No dia 6 de abril de 2009, a cidade de Áquila na Itália foi atingida por um grande terremoto de 6,7 graus na escala Richter.  O sismo deixou 309 mortos, cerca de 1000 feridos, 15 desaparecidos e centenas de edificações total ou parcialmente destruídas. Laura Pausini entrou em ação para ajudar e reuniu 43 cantoras italianas para fazer um show beneficente em prol dos afetados pelo terremoto. Amiche per l’Abruzzo foi o nome do concerto que aconteceu em 21 de junho de 2009 no Estádio de San Siro. Posteriormente, toda a venda dos ingressos (60 mil pessoas) e também da compra do DVD (1.918.794 milhões de euros) foi doada para a região de Abruzzo. Todas as pessoas que trabalharam neste show foram voluntários. Uma curiosidade que nem todo mundo sabe é que o palco da exibição foi concedido de forma gratuita pelo grupo britânico Depeche Mode que havia se exibido três dias antes.

Momento do concerto Amiche per l’Abruzzo

13 – Laura possui um fã-clube oficial descrito no tópico três. Porém só os pausinianos sabem que anualmente a artista realiza uma festa para eles com data e local definidos pela cantora. Já foram realizados encontros em várias cidades da Itália, Miami e na Disney em Paris. Em 2012, ela realizou mais uma edição do LPFC Party. Mas o que ninguém esperava era o anúncio em primeira mão para os fãs presentes no evento que estava grávida da primeira filha.

14 – Laura sempre quis ser mãe e em 8 de fevereiro de 2013, nasceu Paola. Fruto do seu relacionamento com o guitarrista e produtor musical, Paolo Carta.

15 – Com 25 anos de carreira, Laura já concedeu entrevistas para jornalistas de todo o mundo. Mas uma entrevista é bem especial e lembrada pelos pausinianos, porque o jornalista fez uma pergunta que arrancou lágrimas da italiana. Laura como sempre sendo sincera e abrindo o coração <3.

16 – É claro que não poderia deixar de fora, os momentos que Laura foi jurada dos principais reality show de música, La Voz (México e Espanha), La Banda (EUA) e neste ano participará do X-Factor (Espanha). Em 2014, durante as audições do The Voice Mexico, uma participante cantou Diamonds de Rihanna. Coincidência do destino, naquele dia, Laura a presenteou com os sapatos que gravou o comercial do programa, porque justamente estava escrito na sola Shine bright like a diamond. A italiana simplesmente se agachou para colocar os sapatos na participante.

17 – Em 2015, Laura foi reconhecida com o Prêmio de Trajetória na 27a Entrega Anual do Prêmio Lo Nuestro. Mais um momento importante para a sua carreira.

18 – Um dia inesquecível na vida da artista aconteceu no Festival de San Remo de 2016, quando ela duetou com a Laura de 1993.

19 – Laura também foi protagonista de vários programas da TV italiana, como o Stasera Laura: ho creduto in un sogno (2014),  Laura & Paola (2016) que foi exibido por três sábados. Por último, no Natal de 2016 a artista participou de um especial televisivo, onde cantou as canções do seu álbum Laura Xmas.

20 – Após quase dez anos, Laura decidiu realizar novamente concertos em estádios na Itália, porém agora o número triplicou: dois shows em San Siro em Milão, um show no Olímpico em Roma e outro numa arena em Bari. Não precisamos dizer que os concertos foram um sucesso de público.

21 – Os shows de artistas internacionais sempre exigem uma mega-produção e isso não isenta-os de imprevistos. Foi o que aconteceu com um telão no show da turnê Simili em São Paulo. Enquanto o problema era resolvido Laura conversou com o público e convidou uma fã para tocar piano enquanto ela cantava músicas (sim, um piano e uma voz) para o público. Nós relatamos sobre isto nesta matéria Laura Pausini conquista São Paulo na primeira noite de show.

22 – É nítido o carinho que Laura tem pela sua família e a gratidão aos seus pais Gianna e Fabrizio que num programa especial para a TV italiana escreveu uma carta emocionante para sua filha.

23 – Um momento que os fãs brasileiros adoram é a amizade da rainha italiana com a rainha do Brasil, Ivete Sangalo. Quando as duas se encontram tudo vira FESTA. Veja uma parte do programa Altas Horas:

24 – Laura lança em março o novo álbum Fatti Sentire, mas o que ela não esperava é que o novo single Non è Detto alcançaria recordes de visualizações em menos de 24 horas. Atualmente, o clipe está com mais de 4 milhões de views. Algo inédito para um single na carreira da artista.

25 – E por fim, chegamos ao nosso último tópico que é a importância da apresentadora Hebe Camargo na vida e carreira de Laura. A italiana a considerava como sua mãe brasileira. De tantas participações no programa de Hebe, selecionamos o vídeo a seguir no qual a apresentadora resume muito bem o motivo do Brasil amar tanto a estrela italiana.

Agradecimentos: Página Tutta Roba Pausiniana.